WorldCat Identities

Costa, Sandra De Martini

Overview
Works: 2 works in 2 publications in 1 language and 2 library holdings
Roles: Author
Publication Timeline
.
Most widely held works by Sandra De Martini Costa
Etiopatogenia da diarreia persistente by Sandra de Martini Costa( )

1 edition published in 1999 in Portuguese and held by 1 WorldCat member library worldwide

Acredita-se que 3 por cento a 20 por cento do bilhao de casos de diarreia aguda que acometem criancas de ate 5 anos de idade evoluam para diarreia persistente, e em virtude da alta prevalencia e das consequencias nefastas que essa sidrome provoca na populacao infantil nos paises do Terceiro Mundo, a Organizacao Mundial da Saude elegeu-a como uma das prioridades de estudo para esta decada, dando enfase especial aos fatores predisponentes e a etiopatogenia. Entre os fatores de risco de desenvolvimento da diarreia persistente estao principalmente os que dizem respeito ao hospedeiro, como a funcao imunitaria deficiente, a desnutricao e a idade precoce, aliados as mas condicoes socioeconomicas, com baixos niveis de saneamento basico, e ao desmame precoce. Sao varios os fatores patogenicos aventados para o desenvolvimento da diarreia persistente, alem da propria acao dos agentes entero-patogenicos sobre a mucosa dos intestinos delgado e grosso, podendo-se citar tambem as deficiencias nutricionais e alergias alimentares, fatores estes que, isolada ou concomitantemente, podem contribuir para a perpetuacao do ciclo diarreia-desnutricao. Para se alcancar melhores resultados terapeuticos, deve-se sempre buscar a determinacao precisa da etiologia e patogenese, a fim de se oferecer uma proposta racional de terapia, levando a recuperacao nutricional do paciente. Quanto aos agentes etiologicos, um ou mais enteropatogenos tem sido isolados em dois tercos dos casos de diarreia nas criancas dos paises subdesenvolvidos. Salmonella e Escherichia coli enteropatogenica classica sao os agentes etiologicos que mais levam a diarreia a se tornar persistente, mas ultimamente tem-se encontrado com grande frequencia Escherichia coli enteroagregativa, Cryptosporidium e Giardia lamblia. A elucidacao etiopatogenica da diarreia persistente continua importante, tanto no que diz respeito ao isolamento dos agentes enteropatogenicos quanto no estudo das alteracoes da mucosa intestinal, que poderao nos orientar na prevencao e no tratamento medicamentoso e dietetico dessa sindrome.(AU)
Microscopia eletronica de varredura do intestino delgado na diarreia persistente by Sandra De Martini Costa( )

1 edition published in 1997 in Portuguese and held by 1 WorldCat member library worldwide

Foram estudadas 16 criancas menores de um ano, de ambos os sexos, hospitalizadas por diarreia persistente, com o objetivo de analisar a estrutura do epitelio do intestino delgado atraves das microscopias de luz e eletronica de varredura. Foram pesquisados enteropatogenos nas fezes e no suco jejunal. Os pacientes foram submetidos a intubacao naso-jejunal com capsula de Watson para obtencao de secrecao jejunal e biopsia de intestino delgado. Os fragmentos de duodeno foram fixados em formol 10 por cento para microscopia de luz, em cortes semi-finos, e em solucao de Karnowsky modificada para a varredura, sendo pos-incluidos em tetroxido de osmio 1 por cento, desidratados numa serie gradual de etanol, secados pelo metodo do ponto critico, com CO2, cobertos com prata, e analisados atraves de um JEOL JSM 5300 Scanning Microscope. As coproculturas foram positivas em 11 (68,7 por cento) pacientes: EPEC 0111 em quatro; EPEC 0119 em um; EAggEC em cinco; Shigella flexneri em dois e Shigella sonnei em um; infeccoes mistas por EAggEC, associadas a EPEC 0111 foram caracterizadas em dois pacientes. A microscopia de luz, 56,2 por cento dos pacientes apresentaram enteropatia grau II e, em todos, foram observadas alteracoes epiteliais como esfacelamento de microvilosidades, vacuolizacao citoplasmatica, corpos muultivesiculares, e infiltrado linfocitario e eosinofilico, este inclusive no corion. A microscopia eletronica de varredura, observaram-se, em todos os casos, vilosidades e celulas epiteliais achatadas e disformes, com ausencia ou diminuicao das microvilosidades, e em metade dos casos a presenca de um material mucoso recobrindo parte do epitelio. A aderencia firme entre este material e o epitelio deu-lhe o aspecto de uma psedomembrana. Observou-se um infiltrado de linfocitos sobre a superficie apical dos enterocitos de uma especime, ao lado de goticulas de gordura. Concluiu-se que as alteracoes encontradas podem ser devidas a uma associacao generica entre o agente enteropatogenico deflagador da diarreia e o surgimento de intolerancia alimentar que a perpetua. (AU)
 
Audience Level
0
Audience Level
1
  Kids General Special  
Audience level: 1.00 (from 1.00 for Etiopatoge ... to 1.00 for Etiopatoge ...)

Languages